W21K Asics: uma corrida perfeita!

asics w21k (2)Confesso que no início eu não era muito fã de corridas exclusivamente femininas… Mas mudei de ideia e já faz um bom tempo. Acho bem legal a atenção que as marcas passaram a dar a nós, mulheres, pensando nos mínimos detalhes para que a experiência esportiva seja a melhor. No ano passado, como estava às vésperas da Maratona de Berlin, fui só de torcida na W21 Asics. Mas esse ano participei. Da entrega do kit (na loja da Asics), ao kit em si (com direito à camiseta personalizada na hora e bolsa linda), passando pelo percurso (boa parte plano), pela cobertura (feita por fotógrafas) e as atrações (aula de dança), a ação chamando atenção para a prevenção do câncer de mama e os serviços (massagem, fotos, cabeleireiro) na arena, foi tudo perfeito. continue lendo

Sephora Beauty Run: uma beleza de corrida

sephora beauty run

Sephora Beauty Run – Foto: Fernanda Balster

Bota 6K na conta. Não, pera… São 7K… Mas sabe que eu gostei desse “quilômetro bônus” na Sephora Beauty Run, no último domingo? Encarei como uma surpresinha para testar meus limites, rsrs. Vem ver como foi a prova… continue lendo

Aulão de HIIT por uma boa causa

amigoH1A organização AmigoH, que desde 2011 ajuda a viabilizar projetos de combate ao câncer e às doenças do sangue em hospitais de todo o Brasil, promoverá um aulão de HIIT (high intensity intermittent training) – o treino aeróbico e funcional da moda – ao ar livre, no sábado, dia 3 de outubro, no Parque Ibirapuera, em São Paulo, com apoio das academias Bio Ritmo e Smart Fit. Eu vou! Vamos? saiba mais

Fui de bike!

bike1

Fazia tempo que eu não andava de bike. Como segunda-feira é meu dia de rodízio e não queria perder a musculação (que retomei desde a semana passada), ontem tirei a poeira da minha mtb “James”. Nessa rápida checagem, vi que vou ter de fazer uma revisão geral na magrela para andar com mais segurança. Mas para voltar a sentir o vento na cara e me fazer chegar à academia (distante 3,5 km de casa), vai dar para o gasto por enquanto. Aqui vai um pouco sobre minha experiência de voltar a pedalar pelas ruas de SP. continue lendo

Mahamudra: crossfit, ioga, pilates, artes marciais, meditação

_MG_8737

Foto: Lu Cristhovam

Uma galera com abdômen incrível, braços definidíssimos, fazendo exercícios intensos ao ar livre: foi o que vi acessando as redes sociais do Mahamudra Brasil. Logo percebi que se tratava de uma nova sensação no mundo fitness. Procurei o idealizador do método, César Curti, que explicou que teve a ideia após experimentar várias atividades físicas e perceber que poderia unir o melhor de cada uma delas. continue lendo

Corra com o coração

IMG_2191

Foto: Guto Gonçalves / Estúdio13

Já não faço tantas provas como antes e nem sei quando tinha sido a última – talvez em outubro ou novembro do ano passado… Não lembro mesmo. Mas treino regularmente, sempre com uma meta (geralmente uma maratona) mais ou menos definida. A desse ano era a Maratona de Porto Alegre, em junho. Digo era porque estou passando por um período de reorganização da rotina (pessoal e profissional) e isso me tira um pouco o prumo. continue lendo

Conheci uma academia-butique e testei uma aula power

Sala de musculação (foto: Debora Carvalho)

Le Cinq Gym

Antes que você torça o nariz para o conceito, deixa eu explicar. Academia-butique é um novo segmento de academias para atender quem busca exclusividade (esteiras e equipamentos tops disponíveis em pleno horário de pico e aulas sem super lotação), atenção (em alguns horários o número de professores na sala de musculação é praticamente o mesmo de alunos malhando), conforto (xampu, sabonete e toalha para você não ter que levar nem nécessaire e água de coco geladinha à disposição a qualquer momento, entre outros mimos, que tal?) e luxo (ambiente projetado e decorado quase como um hotel cinco estrelas).

continue lendo

Princesa fitness por uma manhã

4Hoje fui conhecer a nova loja da Nike (rua Oscar Freire, 969, São Paulo), que reabriu com serviços especialmente dedicados às mulheres. Para se ter ideia, todo o andar térreo é nosso. Assim que você chega, uma vendedora super fofa e atenciosa pergunta qual é sua atividade física, para poder direcioná-la a seus desejos.  E então ela explica sobre os serviços exclusivos oferecidos. continue lendo

… fiz a prova da Nike…

YaraHR1Foi uma das provas mais gostosas e bonitas dos últimos tempos – e com certeza a melhor que a Nike já fez. 

O percurso praticamente plano favoreceu a quebra de recordes pessoais. Muitos amigos relataram ter baixado o tempo nos 10 K.  

Eu, como havia decidido não me preocupar com o tempo, com receio de dores na panturrilha, fui bem na manha, tranqüila, só pensando em completar. Disparei o cronômetro na largada e resisti a olhar o relógio durante toda a prova.

Quando cruzei a linha de chegada, olhei e vi que havia feito em 54’18”. Não foi o meu melhor, mas está longe de ser o pior. Diria até que foi ótimo, porque não forcei em momento algum – o que me leva a crer que eu tenho fôlego para, em breve, baixar meu tempo. 

E para mim foi uma prova especial também, pois foi a primeira que minha filha correu e completou com pouco mais de uma hora.

…é bom até de “madrugada”…

ibiranoitePor conta do meu ritmo intenso de trabalho que se intensificou nos últimos dias e deve durar mais umas tantas semanas – e que me impede de ir treinar à noite, como eu fazia -, tive de reorganizar minha vida.

O mais difícil é “encaixar” um horário para os treinos. Já estava ficando preocupada, pois tenho alguns objetivos e sem treinos não conseguirei cumpri-los.

Mas essa semana decidi: o tempo que tenho é das 5h30 às 6h30 da manhã e é aí que vai ser.

Hoje foi o primeiro dia desse treino quase de madrugada. A rotina começa bem mais cedo, quando o relógio desperta às 4h50. Depois daquela enroladinha de cinco (quase 10) minutos, tem que levantar, tomar café, colocar a roupa…

Bom, mas às 5h30 estava no carro, indo para o parque, que felizmente é perto de casa e o trânsito excelente devido ao horário. Mas confesso que estava com medo, porque ainda estava escuro, noite mesmo. Pensei: vou chegar lá, não vai ter ninguém, tá escuro…

10 minutinhos depois, estava no Ibira. E para minha surpresa não estava vazio. Pensei: que gente maluca que acorda cedo! (rsrsrs)

Sei que não é maluquice, chamaria isso de determinação. Ou um pouco dos dois, como disse um amigo.

E como é bom treinar ao amanhecer. Alguns corredores, que devem ser assíduos do horário, me cumprimentaram identificando talvez uma nova madrugadora.

Fiz um rápido alongamento e corri 6 km em 34m46s. Me senti ótima, vim para casa, tomei meu banho e já estou na roda-vida de trabalho.

Que não me falte energia para continuar nesse ritmo.