Que tal viajar de bike?

yara (2)

É o que eu vou fazer daqui dois meses. No final de agosto, uma amiga, a Claudia Franco, ciclista expert e criadora da Ciclofemini, me fez um convite que provocou um brilho especial nos olhos. Ela me chamou para uma cicloviagem, com outras duas amigas. Minha primeira reação foi perguntar: “Sério? Você está me convidando mesmo?” Sim, era sério. Ela disse que pensou em mim porque acompanha meu dia a dia pelas redes sociais, sabe que eu corro, que tenho condicionamento, que gosto de uma aventura…

Topei na hora – e claro que depois veio o frio na barriga.

bike4Antes de continuar e falar do roteiro, aqui vai uma rápida explicação da minha relação com a bicicleta. Sempre gostei de pedalar, mas como lazer, aos finais de semana no parque. Há cinco anos comprei uma bike (uma mtb da marca Jamis) e comecei a me arriscar pelas ruas de São Paulo, alternando fases mais e outras menos ativas. Desde o começo do ano voltei a usar a bike com mais frequência, especialmente para ir para a academia (5K distante de casa) e pequenos deslocamentos.

Ou seja, estou acostumada a pedalar 10 a 15 quilômetros por dia, pela cidade. E o roteiro da viagem de três dias prevê de 70 a 80 quilômetros por dia. É ou não é para dar um medinho?

Mas o projeto, que chama Dolce Evo Trip (que é o nome da bicicleta da marca Specialized, que a gente vai usar), tem o objetivo de estimular mais mulheres a pedalar e ir cada vez mais longe. E eu quero ir longe, bem longe!

A viagem vai rolar nos dias 20, 21 e 22 de novembro.  A Claudia escolheu um roteiro repleto de natureza, história e cultura. Nosso destino será a região do Alto Tietê – Vale do Paraíba (SP). Vamos conhecer e explorar os pontos turísticos e surpreendentes de Mogi das Cruzes e Guararema. Então, quero convidar você a acompanhar aqui pelo blog e pelas redes sociais a preparação dessa corredora – projeto de ciclista – que vos escreve.

Já comecei a treinar maiores distâncias – na semana passada, pasmem, consegui rodar 55 quilômetros em uma manhã, em 2h48m. Mas quero contar dos meus treinos, junto ao pelotão Ciclofemini, em outro post.

Vai ser divertido!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

6 respostas em “Que tal viajar de bike?

  1. Pingback: Nasce uma ciclista | eu corro porque…

  2. Pingback: Dos 8 aos 80K de bike | eu corro porque…

  3. Estou torcendo por vcs!! e com certeza vou acompanhar aqui no blog, e desejando muito boa sorte,vai ser fantástico! Um bj pra vcs .
    Há! no próximo roteiro incluam Goiás, mas especificamente Cristalina….srsrrs bjoss

  4. Muito bom seu texto! Parabéns! Também estou com o mesmo frio na barriga, mas tenho certeza que vai ser demais!!
    Bjs

  5. Viajar de bike não é nenhum “bixo de 7 cbçs”, meninas. Podem ir na fé que vai ser mt tranquilo. Organizem bem a bagagem e evitem levar o desnecessário. Lembrem-se: são só 3 dias, muita simiplicidade nesta hora.

    Ciclo[ ]s
    SV

  6. Pingback: Ciclofemini | Que tal viajar de bike? – por Yara Achoa

p o d e_f a l a r

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s