No fun, no gain

yara_10abril boas sensaçõesÀs vezes eu vou correr e entro em uma espécie de transe. Esqueço pace, distância, postura… e tudo o que me interessa são as boas sensações. Já faz um tempo que penso escrever sobre isso. E dia desses, fazendo uma pesquisa para uma matéria que estou fechando, me deparei com um pensamento bacana, que vai nessa linha e me inspirou. A frase é atribuída a Lorraine Moller, corredora neo-zelandesa que participou de quatro Olimpíadas e foi medalha de bronze na maratona dos Jogos Olímpicos de Barcelona, aos 37 anos: “Para mim, correr é um estilo de vida e uma arte. Estou mais interessada na magia do esporte do que em sua mecânica.”

E lembrei também de quando estava me preparando para correr a Maratona de Nova York, em 2008. Naquela época tive a oportunidade de conhecer e fazer um trainning camping com um treinador dinamarquês chamado Morten Fenger. Busquei em meus arquivos e encontrei o depoimento dele. “Correr tem que ser divertido e tem que ser uma escolha própria, não uma coisa imposta. Nosso trabalho (como treinador) consiste em mostrar caminhos, motivar, e não ditar regras. Nós treinamos duro, sim, mas sem comprometer a vida de ninguém – até podemos beber uma cerveja depois do treino. No fun, no gain (sem diversão, sem ganho).”

Ok, tem que tem que sair da zona de conforto para evoluir. “No pain, no gain” (sem dor, sem ganho) prega o velho mantra. Uma dorzinha aqui outra ali a gente sempre vai sentir – e até aprende a conviver com ela.  Mas sofrer não, né? Se correr for sofrimento, se treinar for aquele drama, qual o sentido? Não entendo quem se mata de correr.

O que me interessa mesmo são as boas sensações. As minhas duas mais recentes grandes corridas (Maratona de Berlin e Meia Maratona de Lisboa), em especial, foram repletas de boas sensações. Sorriso no rosto e felicidade pulsando no peito o tempo todo.

Por isso, aos amigos que vão correr a Maratona de Paris, a Maratona de Santiago, a G4-Rio, a Volta à Ilha, a Meia Maratona da Corpore e tantas outras provas – e treinos – do final de semana só desejo uma coisa: VIVAM BOAS SENSAÇÕES A CADA PASSO! Divirtam-se!

Anúncios

Uma resposta em “No fun, no gain

  1. No fun, no gain…acho que isso é a magia da corrida…e eu me divertindo nos treinos para Maratona do Rio

p o d e_f a l a r

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s